Yo-Kai Watch é o sucessor de Digimon e Pokémon?

publicado em  14.4.16


Criada pela Level-5, Yo-Kai Watch é uma bem sucedida franquia de jogos, mangás e animes, que está fazendo um gigantesco sucesso no Japão e EUA. Atualmente a marca conta com quatro jogos para Nintendo 3DS, três mangás em publicação, dois filmes para cinema e uma série animada em produção (atualmente no episódio 116). Prestes a desembarcar no Brasil, Yo-Kai Watch já está sendo considerado por muitos como o sucessor de Pokémon, título que já foi dado a Digimon anos atrás. Entenda porque essa nova série tem tudo para ser um fenômeno, assim como os Monstros de Bolso e os Monstros Digitais!

Dos jogos para o anime

Assim como Pokémon e Digimon, Yo-Kai Watch também começou como um jogo para depois ir parar nos animes. E assim como os "mons", é uma franquia infanto-juvenil com a finalidade de criar um grande número de "bugigangas" colecionáveis.

Desde o estrondoso sucesso, a nível mundial, de Pokémon no final dos anos 90, diversas séries com a mesma temática foram sendo desenvolvidas nestes últimos 15 anos. Entre as mais populares, e que obtiveram êxito fora do Japão, podemos citar Digimon (que veio dos tamagotchis) e Yu-Gi-Oh! (que foi baseada nos populares card games). Além das bem sucedidas, dezenas de outras séries, com criaturinhas colecionáveis, foram lançadas com o passar dos anos, mas nenhuma conseguiu realmente emplacar e se tornar uma ameaça para a soberania dos Monstros de Bolso. Porém, Yo-Kai Watch vem crescendo de uma forma gigantesca nesses últimos anos. Pra você ter uma ideia, o seu segundo jogo, lançado em julho de 2014, conseguiu beirar as 2 milhões de cópias vendidas em seu primeiro dia de lançamento (apenas no Japão). Mas o que a franquia de Yo-Kai tem de diferente para conseguir tamanho sucesso?

Yokais colecionáveis

Para entender o estouro da franquia no Japão, é preciso saber que na série os monstrinhos da vez se chamam yokais. No folclore japonês, yokais são uma espécie de criaturas sobrenaturais que possuem uma aparência meio bestial. Além desse apelo para o imaginário japonês, a série não se passa num mundo fictício (como Pokémon ou Digimon), mas sim no mundo real. O protagonista do jogo não sai por aí em uma grande jornada ou é transportado para outro mundo, mas continua na sua casa, frequentando a mesma escola, e interagindo com os mesmos vizinhos e amigos.

Na história, Nathan (Keita no original) é um garoto normal que estava procurando insetos em uma floresta, quando encontrou uma cápsula ao lado de uma árvore sagrada. Ao abri-la, surge um yokai chamado Whisper, que lhe dá um dispositivo conhecido como Yo-Kai Watch (capaz de identificar diferentes yokais que estão assombrando as pessoas). A partir de então ele começa a resolver mistérios envolvendo yokais mal intencionados que estão causando problemas em sua cidade.

Cada yokai possui habilidades específicas, e são divididos por seis elementos (fogo, água, gelo, etc.). Cada criatura também possui um nível de poder diferente, de um ranking que vai de E até S. Outra curiosidade é o fato da maioria dos yokais falarem.

A fórmula parece simples, e é pela sua simplicidade, e diversos momentos no sense e engraçados, que se torna um fenômeno por onde passa. No Japão, os mais novos já preferem os yokais aos Pokémons, e pelo empenho da Level-5 em levar a série para os quatro cantos do mundo, tem tudo para ser uma crescente.

O anime já chegou no Brasil

A primeira temporada da série foi dublada pelos estúdios Marmac (mesma de Digimon Fusion), e está sendo distribuída por uma subsidiária da Saban Brands. A exibição ocorre diariamente, às 20:00, na Disney XD.
Unknown  

eu vejo esse anime legendado por fansubs, ja sei que vai vim censurado, entao nem verei, se chegar no crunchroll, ai eu assisto

Anônimo  

vcs esqueceram de dizer que no jogo dá pra escolher entre ser garoto (nate/keita) ou garota (katie/fumika)